COBERTURA ESPECIAL - Africa - Geopolítica

14 de Agosto, 2015 - 12:20 ( Brasília )

Senado aprova acordo que estimula cooperação entre Brasil e Mauritânia

Pacto, celebrado em 2012, prevê ações para ampliar o relacionamento nacional com o país africano e estimular desenvolvimento bilateral

O Senado aprovou ontem acordo de cooperação técnica entre os governos do Brasil e da Mauritânia. Celebrado em fevereiro de 2012, em Brasília, o acordo prevê reuniões entre representantes dos dois países e a facilitação de vistos, taxas e impostos ao pessoal das missões de cooperação.

A vigência é de cinco anos, prorrogáveis por períodos sucessivos. O texto aponta como objetivos do Brasil e do país africano, por meio da iniciativa, fortalecer os laços de amizade e promover um conhecimento mútuo e uma melhor compreensão entre as duas nações.

Também cita a necessidade de encorajar e melhorar o desenvolvimento socioeconômico, promover o desenvolvimento sustentável e estimular o progresso técnico.

De acordo com o texto aprovado, a cooperação poderá ser trilateral, com a indicação, pelas partes, de outros países, organizações internacionais e agências regionais.

A participação de empresas e de organizações não governamentais também é uma decisão que cabe ao Brasil e à Mauritânia.

Após a aprovação do acordo, a senadora Ana Amélia (PP/RS) fez um apelo à Presidência da República para que encaminhe esse tipo de texto com mais celeridade ao Congresso.

— Esses acordos deveriam ter mais celeridade pela relevância que têm para o concerto das relações internacionais — afirmou Ana Amélia, que elogiou o esforço do senador Aloysio Nunes Ferreira (PSDB/SP), presidente da Comissão
de Relações Exteriores (CRE), no encaminhamento desses temas.