COBERTURA ESPECIAL - Africa - Geopolítica

11 de Abril, 2014 - 10:15 ( Brasília )

ONU enviará missão de paz para República Centro-Africana

Quase um milhão de pessoas foram forçadas a fugir do país desde o início da onda de violência, em dezembro de 2013

O Conselho de Segurança das Nações Unidas aprovou nesta quinta-feira por unanimidade uma resolução que autoriza o envio de uma missão de paz para a República Centro-Africana (RCA).

A resolução prevê o desdobramento de uma força de manutenção da paz de até 11.800 integrantes, com o objetivo de estabilizar o país, que sofre uma grave onda de violência e instabilidade há mais de um ano.

A Missão da União Africana na República Centro-Africana (MISCA) denunciou no dia 1º de abril a utilização de civis como "escudos humanos" durante os enfrentamentos com milícias cristãs "Anti-Balaka".

Desde dezembro, as milícias cristãs realizam uma campanha contra os partidários do Seleka, em represália pelos abusos cometidos por este grupo rebelde em sua chegada ao poder, em março de 2013.

Desde o início da onda de violência, quase um milhão de pessoas foram forçadas a fugir na República Centro-Africana, das quais mais de 650 mil são deslocados internos e cerca de 300 mil se refugiam em países vizinhos, especialmente no Chade e Camarões.

Trata-se em sua maioria de muçulmanos que fogem dos ataques das milícias cristãs, grupos de civis armados que desde dezembro realizam uma campanha contra os partidários do Seleka.

Os enfrentamentos levaram a uma espiral de violência sectária e religiosa em um país majoritariamente cristão.