COBERTURA ESPECIAL - Mão Amiga - Terrestre

18 de Maio, 2018 - 11:10 ( Brasília )

Exercício com eventos simulados adestra militares para execução de ajuda humanitária em catástrofes


Transcorrendo desde o dia 3 de maio, o Exercício de Força de Ajuda Humanitária teve desencadeada, esta semana, a fase operativa nas cidades de Blumenau, Itajaí, Pomerode e Gaspar, todas em Santa Catarina.

Coordenado pela 14ª Brigada de Infantaria Motorizada (14º Bda Inf Mtz) e com a atuação integrada da Defesa Civil, da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina, o exercício permite a prática e o aperfeiçoamento de todos os processos, as instalações e as atividades inerentes a uma possível situação de calamidade ocasionada por chuvas torrenciais na Região do Vale do Itajaí.

 
 

Os resultados do exercício estão sendo percebidos pelo elevado nível de coordenação e troca de conhecimentos entre as agências operativas e com a redução significativa do tempo de acionamento dos meios, ratificando os objetivos propostos.

Empregou-se, até o momento, 700 militares do Exército e um efetivo total de mais de 1.300 agentes, com 325 viaturas, quatro aeronaves, embarcações e equipamentos de socorro à população. 

Além de todas as organizações militares orgânicas da Brigada, também proveram apoio ao Exercício a 5ª Companhia de Comunicação Blindada, de Curitiba (PR); o 5º Batalhão de Engenharia de Combate Blindado, de Porto União (SC); o 27º Batalhão Logístico, de Curitiba (PR); e o Hospital de Guarnição de Florianópolis (SC). O Comando de Aviação do Exército, localizado em Taubaté (SP), apoiou com aeronaves.

Essa foi mais uma ação em que a Brigada Silva Paes se mostra integrada à sociedade catarinense e sempre pronta ao apoio em situações de crise.

 
 

Fotos: 14ª Bda Inf Mtz / CMS - EB


VEJA MAIS



Outras coberturas especiais


Africa

Africa

Última atualização 14 DEZ, 09:50

MAIS LIDAS

Mão Amiga