COBERTURA ESPECIAL - Mão Amiga - Terrestre

05 de Julho, 2017 - 10:35 ( Brasília )

Soldado do EB recebe homenagem por ato de bravura


No dia 28 de junho, a Associação Comercial de São Paulo promoveu uma cerimônia para exaltar militares que se destacaram em suas ações. Diante disso, o Soldado David dos Santos Oliveira, do 21º Depósito de Suprimentos (21º D Sup), foi um dos homenageados e recebeu o troféu “Marco da Paz”, por materializar um dos valores morais e cívicos cultuados pelo Exército: a Coragem.

A solenidade contou com a presença de representantes da Associação Comercial de São Paulo e do “Marco da Paz”; além de integrantes das Polícias Federal, Civil e Militar; da Guarda Civil Metropolitana e da Companhia de Tráfego de São Paulo, bem como de militares do Exército Brasileiro.

A atitude do Soldado David

No dia 20 de janeiro, o Soldado David estava saindo de casa durante uma forte chuva, no bairro de Perdizes, na cidade de São Paulo, quando observou pontos de alagamentos e enxurrada. O militar acabou sendo levado pela correnteza, mas conseguiu escapar da situação.

Momentos depois, percebeu que havia uma pessoa presa debaixo de um veículo, correndo risco de morrer. Sem hesitar, e mesmo com a chuva bastante forte, David colocou sua vida em risco, para conseguir resgatar a vítima. Sua atitude ressalta a “Coragem” necessária ao Soldado do Exército Brasileiro.

A Coragem como “valor militar”

Segundo o Manual "O Exército Brasileiro" (EB 20-MF-10.101):

“A coragem é o senso moral intenso diante dos riscos ou do perigo, onde o militar demonstra bravura e intrepidez. É a capacidade de decidir e a iniciativa de implementar a decisão, mesmo com o risco de vida ou o sacrifício de interesses pessoais, no intuito de cumprir o dever, assumindo a responsabilidade por sua atitude.”

A “coragem” é, então, um fator motivador do militar para o bom cumprimento da missão, fazendo-o enfrentar desafios com confiança, sem preocupar-se com os riscos.